Pinus. Foto: Berneck.

Sala de Imprensa

Notícias

Visita técnica e dinâmica de campo marcam reunião mensal da Apre

Empresas associadas trocaram experiências sobre manejo de resíduos

A Associação Paranaense de Empresas de Base Florestal (APRE) reuniu na última sexta-feira, 15, mais de 20 representantes de empresas associadas para o encontro mensal com visita técnica e dinâmica de campo, em Arapoti, na Fazenda São Nicolau, área da associada Arauco.

O encontro foi uma oportunidade para os gestores e técnicos trocarem informação e experiência sobre o manejo dos resíduos nos plantios florestais. A dinâmica apresentada pelo coordenador de silvicultura da Arauco,Felipe Fillus, mostrou aos participantes da visita como é feita a trituração de resíduos naquela fazenda. Com a alternativa encontrada pela empresa, o coordenador de silvicultura destacou que a empresa alcançou ganhos significativos em sustentabilidade, conservação da umidade do solo, conservação do solo contra erosão causada por chuvas, redução da compactação, mecanização das atividades subseqüentes e redução da intensidade de aplicação de herbicida. Além disso, ele citou também que a Arauco conseguiu reduzir os resíduos (galhos e ponteiras de árvores), rebaixar a altura dos tocos, aproveitar 100% da área útil, aumentar o rendimento de atividades mecanizadas e manuais, distribuir a matéria orgânica sobre o solo, inibir a germinação de plantas daninhas e reduzir a rebrota de eucalipto.

O gerente executivo da Apre, Ailson Loper, destacou a importância das reuniões técnicas realizadas em campo, e avaliou que os encontros são muito positivos. “A troca de informação entre os técnicos é muito maior no campo”, afirmou.

Na pauta da reunião de junho também foi discutidaa importância da aprovação do projeto de Lei que retira a atividade de silvicultura da lista de atividades potencialmente poluidoras. Os associados receberam ainda informações sobre a última reunião do conselho técnico da Associação; sobre o encontro realizado pela Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Indústria Brasileira de Árvores (Ibá); e o andamento das ações para o desenvolvimento do projeto do macaco-prego.

Durante o encontro também ficou definido que a Apre vai receber todos os candidatos ao governo do Estado do Paraná e entregar a eles as principais demandas do setor.

A próxima reunião técnica da Apre será realizada no dia 13 de julho, em local que será informado em breve.