Pinus. Foto: Berneck.

Sala de Imprensa

Notícias

Programa da UFPR avalia ciclo de vida e impacto de produtos no meio ambiente

A UFPR lançou na última quinta-feira, 23 de maio, o Programa de Avaliação da Sustentabilidade do Ciclo de Vida de Produtos (BioCycleS), numa iniciativa dos cursos de Engenharia Florestal e Engenharia Industrial Madeireira. Com atuação multidisciplinar, o programa irá implementar ações para avaliação de sustentabilidade de produtos e sistemas produtivos. O foco inicial será em produtos de origem vegetal, com foco na indústria florestal. A Apre é uma das apoiadoras do programa, e o diretor executivo, Ailson Loper, participou da mesa de abertura do evento.

A coordenação geral do projeto é do professor Dimas Agostinho da Silva, que destaca que o programa é reconhecido pela Organização das Nações Unidas (ONU) e tem grande potencial de inserção na sociedade. “Por exemplo, as Normas ISO 14.040:2009 e 14.044:2009 estabelecem os princípios da avaliação de ciclo de vida”, observa.

O professor Marcelo Langer, vice-coordenador do BioCycleS, dá um exemplo prático. “Imagine um produto simples, um sapato. A análise vai incluir a matéria-prima, de onde veio, a mão-de-obra, os materiais usados, se podem agredir a saúde de quem usa ou o meio ambiente, como será feito o descarte desse produto, se o resíduo pode ser reutilizado ou se é poluente. Enfim, é um programa bem amplo, que avalia o impacto social, ambiental e de sustentabilidade”, diz.

A Avaliação de Ciclo de Vida também tem uma grande contribuição para a tomada de decisão na gestão da empresa e na melhoria da marca do produto perante os diferentes atores sociais.

O programa já conta com outras universidades parceiras, como a UTFPR, Estácio e a Unila, além de entidades de classe, como CNPq, Capes, Instituto Brasileiro de Informação, Ciência e Tecnologia (IBICT) e a Klabin.

Alunos de graduação e pós-graduação, orientados por professores, farão as pesquisas. Para isso, a UFPR oferta disciplinas de Avaliação de Ciclo de Vida para cursos de graduação diversos (opcional) e na pós-graduação em Engenharia Florestal. Já estão em andamento algumas pesquisas feitas por mestrandas da UFPR, envolvendo o sistema construtivo Wood frame, energia de biomassa florestal e celulose.

Empresas interessadas em obter avaliações de ciclo de vida de produtos podem procurar o professor Marcelo Langer. A avaliação de custos, prazos e viabilidade será feita de forma individualizada e o serviço realizado através de convênios com Fundações ligadas à UFPR.

Mais informações sobre o Programa BioCycleS são obtidas pelo tefone (41) 3360-4245 ou e-mail marcelolanger@ufpr.br.

Fonte: UFPR