Pinus. Foto: Berneck.

Sala de Imprensa

Notícias

Brasil pode gerar eletricidade a partir de biomassa de florestas

País tem potencial para gerar 11,6 gw por ano, o equivalente a mais de duas usinas hidrelétricas como a de Belo Monte, revela estudo

Quando ratificou o Acordo de Paris – um esforço empreendido por 195 país para evitar a escalada do aquecimento global -, em 2016, o Brasil traçou uma série de metas que poderiam ajudar a reduzir a emissão de gases causadores do efeito estufa. Um dos objetivos era ampliar o uso de fontes alternativas de energia e restaura, ou reflorestar, 12 milhões de hectares de florestas até 2030. Mas pouco se fez para atingir esse compromisso.

Um estudo inédito do Instituto de Energia e Meio Ambiente (Iema), ONG que pesquisa emissões de poluentes, sugere que é possível traçar um plano para avançar no cumprimento de duas metas simultaneamente: plantar florestas e aumentar a participação de fontes renováveis de energia. Segundo o relatório, batizado de Florestas Energéticas, o Brasil tem potencial para gerar 11,6 GW por ano – o equivalente a mais de duas usinas hidrelétricas como a de Belo Monte – a partir da biomassa de florestas plantadas, uma fonte de energias renovável. A ideia, grosso modo, é plantas árvores para produzir eletricidade.

Confira a matéria completa em Gazeta Online.